Balão Intragástrico (Procedimento não cirúrgico, endoscópico)

Entre as alternativas endoscópicos para tratar a obesidade, destaca-se a aplicação do Balão Intragástrico. É um método pouco invasivo e de baixo risco para controle efetivo da obesidade.  

É uma prótese cilíndrica de silicone que ao ser introduzida no estômago do paciente por meio de uma endoscopia é inflada.  A vida útil do balão intragástrico varia, em média, de 4 a 6 meses, quando deverá ser retirado por uma nova endoscopia.

O balão dentro do estômago causa uma sensação de saciedade e o paciente sente satisfação mais rapidamente ao se alimentar, passando a comer quantidades menores.

O procedimento é indicado a pacientes com IMC abaixo de 35 e que não respondem a tratamento clínico por mais de três anos ou ainda aqueles com IMC maior que 35 e que não podem ser submetidos à cirurgia por fatores de risco elevado de outras doenças associadas.

As possíveis complicações do balão intragástrico podem ser a intolerância resultante de náuseas e vômitos, refluxo gastresofágico, úlcera gástrica e perfuração do balão com obstrução do intestino.

 

IMAGENS: DESENHOS DO PROCEDIMENTO LAPAROSCÓPICO E DO BALÃO INSERIDO NO ESTÔMAGO
REFERÊNCIAS: FLIPCHART VISUAL AID MÉDICO, COM AS REFERÊNCIAS MÉDICAS

Rua Tabapuã, 422 - Cj. 62
CEP: 04533-010
Itaim Bibi - São Paulo - SP

Tel 11 3078-6901 | 11 3078-6917

falecom@draanakarina.com.br
Dra. Ana Karina Soares Alves
Desde 2014 - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por Exata Design